Como criar lista de email marketing com a rede do Linkedin

Considerando que existe praticamente meio bilião de utilizadores na rede do Linkedin, é fácil de concluir que esta rede social profissional pode ser uma mina de ouro para criar uma lista de email marketing qualificada.

Queres aprender a gerar tráfego para o site presencialmente?
Workshop prático com o objetivo de aumentar as visitas no site, divulgar a empresa no google e conquistar novas oportunidades de negócio na Internet. Sabe mais grátis!
Workshops de Marketing Digital sobre SEO, Adwords, Marketing de Conteúdo, Social Media, Video Marketing, Growth Hacking!

E o melhor de tudo, é que podemos criar um mailing list gratuita em apenas 5 cliques.

Ora veja…

usar-linkedin-para-criar-lista-de-email-marketing.jpg

Mas como “não há almoços grátis”, deve estar a perguntar-se:

Como é que posso apostar em ações de marketing b2b ou gerar leads para vendas b2c, sem ter que fazer um investimento em estratégias de marketing para vendas no Linkedin?

Pois bem, consideremos este artigo como um pequeno vale de desconto para todas as empresas b2b ou b2c que querem aprender a tirar partido do Linkedin para conquistar novas oportunidades de negócio na Internet.

E isto tanto aplica-se a uma consultora de software que pretende criar uma lista de contatos para email marketing sem gastar dinheiro, ou um empreendedor que, acabou de criar a sua startup tecnológica, e deseja ter uma lista de emails de investidores a quem quer fazer um pitch.

Na verdade, este procedimento pode ser adaptado a qualquer empresa ou tipo de negócio.

Como usar a nossa rede do Linkedin para criar uma lista de email marketing

Antes de mais, não nos esqueçamos duma coisa: o Linkedin é uma rede social.

E como rede social que é, os principais motivos para estarmos no Linkedin são a possibilidade de manter o contacto com atuais colegas de trabalho, potenciais colegas de trabalho e outros utilizadores com quem partilhamos algum tipo de interesse ou um amigo em comum.

“72% dos utilizadores do Linkedin têm mais de 300 contatos”

Portanto, não é de estranhar que 72% dos utilizadores tenham mais de 300 contatos na sua rede do Linkedin.

envio-de-email-marketing-a-rede-do-linkedin.jpg

Mas o que em princípio seria um bom ponto de partida para começar a criar uma mailing list para email marketing, de repente pode levantar um problema.

Na verdade, o principal problema que podemos ter é que a grande maioria dos contatos podem cair naquele terceiro grupo de pessoas que não conhecemos, e que não temos forma de contactar pessoalmente sem ser pelo Linkedin.

Mas não desesperem.

A solução para este problema está, mais ou menos, escondida no Linkedin e podemos chegar lá em apenas 5 cliques.

Criar uma lista de contatos para email marketing de uma consultora de software

Considerando que o Linkedin apresenta mais de 23 milhões de resultados para a keyword “software”, vamos usar a consultora de software Polarising como exemplo e imaginar que esta pretende ter uma estratégia de marketing digital baseada em email marketing.

lista de email marketing-qualificada.jpg

Neste caso, a ideia pode ser o envio de email marketing como forma de divulgação da empresa junto da comunidade tecnológica ou anunciar serviços a potenciais clientes b2b.

Mas falta o mais importante, ter uma mailing list.

E para isso, podemos utilizar o nosso perfil de Linkedin para criar uma lista de email marketing.

Assim, o primeiro passo é clicar em “My Network” para acedermos à nossa rede do Linkedin.

fazer-email-marketing-no-linkedin.jpg

De seguida, clicamos em “See all” para ver com mais detalhe todos os contatos que fazem parte da nossa rede do Linkedin.

lista-de-contatos-para-email-marketing.jpg

No meu caso, a lista de contatos para email marketing vai ser criada a partir destes 243 utilizadores.

Uma vez na nossa rede do Linkedin, procuramos no canto superior direito pelo link “Manage synced and imported contacts”.

lista-de-contatos-para-mailing-marketing.jpg

E como o objetivo é criar uma mailing list inicial para a empresa fazer email marketing, o próximo passo é clicar em “Export contacts” por baixo das “Advanced Actions”.

lista-de-email-marketing-atraves-da-rede-linkedin.jpg

Ao clicar em “Export contacts”, somos enviados para outra página onde devemos escolher o formato “Fast file only” para recebermos os dados da rede do Linkedin.

rede-do-linkedin-para-criar-lista-de-contatos-para-email-marketing.jpg

Entre os vários dados a ser enviados, está a lista de emails da rede do Linkedin.

Ao fazer “Request archive”, vai-nos ser exigido a password.

E se tudo estiver ok, dentro de minutos vamos receber um email para fazermos o download dos dados referentes à nossa conta do Linkedin.

contatos-do-linkedin-para-criar-lista-de-email-marketing.jpg

Após fazermos o download do ficheiro .rar com a informação da nossa conta, o ficheiro .csv que nos vai permitir criar uma lista de email marketing, é o “Connections.csv”.

criar-lista-de-email-marketing.jpg

Como um dos objetivos é o reforço do reconhecimento da empresa junto da comunidade, o próximo passo é o tratamento dos dados do ficheiro csv.

Assim, de forma a criar uma potencial mailing list para enviar email marketing, excluimos todos os os contactos da rede do Linkedin que são colaboradores da empresa.

mailing-list-para-enviar-email-marketing.jpg

(Podemos tornar a nossa lista de email marketing ainda mais qualificada ao filtrar a coluna “Position” por keywords que estão diretamente relacionadas com a Polarising, tais como “Software” ou “IT”)

Conclusão

Como viu, em apenas 5 cliques e menos de 5 minutos, conseguimos criar uma lista de email marketing para uma empresa b2b de serviços tecnológicos.

No entanto, volto a sublinhar:

Este processo é gratuito e pode ser aplicado a qualquer segmento de mercado ou tipo de empresa.

Afinal de contas, quer o objetivo da campanha de email marketing seja divulgar serviços ou a venda de produtos pela Internet, a moral da história é apenas uma:

Criar uma mailing list para fazer marketing por email é fácil e está ao alcance de todos… só precisamos de ter uma conta na rede do Linkedin.

Portanto, se estão a pensar abrir uma empresa b2b ou b2c, então está na hora de começar a tirar partido do Linkedin para conquistar novas oportunidades de negócio na Internet.

Já agora, quais são as vossas melhores estratégias de marketing no Linkedin? Se forem gratuitas, melhor ainda 🙂

Partilhem!

Aprende a Usar Email Marketing Para Atrair Clientes
Aplica técnicas e dicas comprovadas para o teu negócio crescer online!
Foco em atividades relacionadas com a restauração e hotelaria, venda de artigos e roupa online, ou blogs para ganhar dinheiro na Internet.
Facebook Comments